Parques Urbanos de Florianópolis

Quem nos conhece já sabe que adoramos estar em contato com a natureza, especialmente pelas diversas trilhas que existem na região de Floripa, mas a nossa cidade conta também com vários parques urbanos que possibilitam esse contato com a natureza e a realização de exercícios físicos sem precisar grandes caminhadas.


Bora conhecer?


Parque de Coqueiros

Está localizado na região continental de Floripa, próximo às pontes. Como é muito próximo da nossa casa é o parque urbano que mais frequentamos. Trata-se de uma grande área que conta com uma pista de caminhada, corrida ou bike de aproximadamente 800 metros, parquinho infantil, quadras de futebol e extensa área verde onde é possível realizar várias atividades, levar seu pet, ou simplesmente descansar.


Sua instalação começou a ser pensada e colocada em prática em 1999, através de uma iniciativa popular que pretendia urbanizar e tornar útil um baixio conhecido como saco da lama, pois tratava-se de um mangue que sofrera diversos aterros, para acomodar o canteiro de obras das pontes e para evitar o alagamento da avenida Max de Souza, pois era uma região muito suscetível a alagamentos na maré alta. Trata-se de um exemplo de mobilização popular, através da Sociedade Amigos de Coqueiros.


Recentemente foi inaugurado, próximo ao parque, o Centro Cultural do Continente Franklin Cascaes, que tem por objetivo oferecer ao público exposições e oficinas culturais.


Bosque Pedro Medeiros


Inaugurado em 2002, o Bosque Pedro Medeiros está localizado no bairro Estreito, também na região continental de Florianópolis. Possui uma área de 18 mil metros quadrados, das quais 10 mil cobertos por Mata Atlântica.

No seu interior fica o Museu do Presépio, onde é possível conhecer presépios feitos com diversos materiais. Possui ainda um parque infantil.

Apesar de não possuir muita estrutura, trata-se de um lugar muito tranquilo e com bastante vegetação, ótimo para contemplação e relaxamento.



Parque da Luz


O Parque da Luz fica na cabeceira insular da ponte Hercílio Luz. Foi fundado em 1999, por iniciativa popular, que buscava garantir a preservação daquela área verde que estava sob ameaça da especulação imobiliária.


O local foi um cemitério entre 1841 e a década de 1920, quando o cemitério foi transferido para o Itacorubi em decorrência das obras para a construção da Ponte Hercílio Luz.

Uma área de aproximadamente 37 mil metros quadrados que abriga campo de futebol, parque infantil, mesas e bancos, quiosques e um mirante para a ponte. Além, é claro, de área verde ótima para contemplação e caminhadas.

Nas nossas caminhadas familiares gostamos de atravessar a ponte e curtir momentos no parque, curtindo o visual da ponte e brincando nas pedras e árvores.

O parque costuma abrigar diversas manifestações culturais como boi de mamão, peças teatrais e o já clássico “Hoje é dia de jazz bebê”.


Parque Ecológico Córrego Grande


Fundado em 1994, esse parque tem uma área verde maravilhosa. Está localizado no bairro do Córrego Grande, que fica entre o centro da cidade e a Lagoa da Conceição. Possui aproximadamente 22 hectares nos quais é possível realizar caminhada por trilhas. A principal delas é bem larga, tem cerca de 1,1 quilômetros, é plana, passa por um lago com diversas tartarugas e jacarés e permite a visualização da fauna e flora da região.

Além disso, o parque conta com estacionamento, parque infantil e quadras esportivas. Também é a sede do horto municipal e do departamento de educação ambiental da Fundação Municipal do Meio Ambiente.

Importante salientar que o acesso de bicicletas e animais de estimação não é permitido no parque.


Jardim Botânico


Localizado no bairro do Itacorubi, esse parque possui aproximadamente 19 hectares e é ideal para a contemplação da natureza e para o divertimento das crianças. Conta com um extenso gramado, lago, horta e parque infantil. Possui também um amplo estacionamento.

Possui um espaço cultural onde ocorrem exposições e apresentações culturais. Aos finais de semana ocorrem diversas atividades culturais, a mais famosa delas a “Cultura Mané”, um projeto cultural destinado a toda a família e que tem por objetivo resgatar os costumes e tradições da Ilha da Magia. Para tanto tem apresentações teatrais, brincadeiras e o tradicional boi de mamão, garantia de diversão para as crianças.


Dicas extras.


Parque Natural Municipal do Morro da Cruz


Apesar de ser uma unidade de conservação e não um parque urbano, decidimos incluir esse parque na nossa lista porque permite o acesso de carro e possui uma linda área verde com diversos atrativos para os visitantes.

Foi instituído em 2013 e possui aproximadamente 1,3 quilômetros quadrados que tem por objetivo preservar a Mata Atlântica existente na região do Morro da Cruz, evitando que a especulação imobiliária destruísse essa belíssima área verde.

O parque conta com estacionamento, lago, mesas, quadras esportivas, parque infantil e algumas trilhas que levam a mirantes belíssimos.


Monumento Natural Municipal da Lagoa do Peri


É outra unidade de conservação que permite o acesso fácil, de carro, com uma imensa área verde. Este local permite ainda um banho de lagoa e na temporada é possível alugar caiaques, standups ou pedalinhos.

Instituída em 1981, essa unidade de conservação possui uma área de 42 quilômetros quadrados que abriga a Lagoa do Peri, que além de ser um local de beleza sem igual é fundamental para a manutenção do ecossistema local e ainda serve como manancial de abastecimento de água para a comunidade do sul da Ilha.

A sede do parque possui estacionamento, banheiro, parque infantil e locais para piquenique. Algumas trilhas partem deste ponto.






52 visualizações0 comentário